Atenção Auxiliares de Administração Escolar
Atenção Auxiliares de Administração Escolar
O SAAEMG orienta os trabalhadores nos seguintes pontos:
Não ao projeto “Escola da Mordaça”
Não ao projeto “Escola da Mordaça”
O SAAEMG solidariza-se com todos que foram agredidos nas dependências da Câmara Municipal de Belo Horizonte
Eles votaram contra a sua aposentadoria
Eles votaram contra a sua aposentadoria
A "Reforma da Previdência aumenta o tempo de contribuição para conseguir a aposentadoria. Saiba quais foram os deputados que traíram o povo
SAAEMG oferece atendimento médico gratuito
SAAEMG oferece atendimento médico gratuito
A categoria tem atendimento em várias especialidades como clínica médica, cardiologia, pediatria, nutrição e fonoaudiologia
Previna-se contra o câncer de mama
Previna-se contra o câncer de mama
Este mês serve de alerta sobre prevenção e diagnóstico precoce do câncer de mama
"Lei da Mordaça"
Colégio Loyola, em Belo Horizonte, censura professora por texto crítico a Bolsonaro
A importância de ser sindicalizado
A importância de ser sindicalizado
Além dos direitos previstos na Convenção Coletiva, vale lembrar também os diversos benefícios oferecidos pelo SAAEMG
Homologação das Rescisões Contratuais
Homologação das Rescisões Contratuais
O SAAEMG orienta as empresas, contabilidades e trabalhadores que as rescisões contratuais devem ser homologadas no sindicato.
Contribuição assistencial e mensalidade sindical
Contribuição assistencial e mensalidade sindical
Atenção, estabelecimentos particulares de ensino para o informe do sindicato
Aos funcionários das escolas de idiomas
Aos funcionários das escolas de idiomas
Leia abaixo o documento

    Notícias

    10/10/2019
    Nota de Repúdio

    O Sindicato dos Auxiliares de Administração Escolar de Minas Gerais (SAAEMG) vem a público repudiar, veementemente, os atos de violência cometidos nessa quarta-feira (09/10) pelos seguranças da Câmara Municipal de Belo Horizonte (CMBH) contra vários manifestantes que protestavam contra o projeto de Lei “Escola sem Partido” que, na verdade, deveria se chamar “Escola da Mordaça”. Essa proposta, que é defendida por vereadores fundamentalistas, desconhece a educação e tem como único objetivo silenciar professores e alunos ao proibir o debate em sala de aula.

    O SAAEMG solidariza-se com todos que foram agredidos nas dependências da Câmara Municipal de Belo Horizonte e reafirma o seu posicionamento em defesa da democracia e de um Estado laico, uma educação crítica, pública e de qualidade. O Brasil não pode se curvar diante de vozes obscurantistas e medievais que, em nome de uma falsa defesa da educação, desejam impor a censura e a violência.

    Clique no link abaixo e veja algumas cenas tristes da agressão na CMBH
     
     
    Leia também:
     
     
     
     
     
     
     
    Rua Hermilio Alves, 335
    Santa Tereza - Belo Horizonte - MG
    CEP 31.010-070
    (31) 3057-8200